Caixa de texto: Página Inicial
Caixa de texto: Quem Somos
Caixa de texto: História
Caixa de texto: Produtos
Caixa de texto: Galeria
Caixa de texto: Contactos

A empresa está instalada num antigo e secular lagar integrado nas dependências de uma metade de um imóvel urbano de Vale de Salgueiro, devidamente autonomizada da restante metade há mais de 80 anos, que pertenceu à exploração agrícola de António José Teixeira e sua esposa Delmina do Rosário Cunha Sotto Mayor e posteriormente a Telmo do Nascimento Moreira e Maria de Lurdes Teixeira.

Actualmente esta residência e todas as dependências, designadamente as que integram a adega pertencem actualmente à Sociedade Agrícola Quinta das Corriças, Lda., cujos sócios são filhos e netos.

Trata-se, com efeito, de uma casa tradicional, seguramente com mais de um século e meio de existência, que simboliza na sua génese a matriz própria de uma casa tradicional de agricultor médio, cuja principal fonte de rendimentos dos seus proprietários provinha da área agrícola que era desenvolvida no meio rural em que se integrava e integra. Na verdade, existem ainda hoje no conjunto dessa moradia acima mencionado alguns elementos demonstrativos dessa realidade, designadamente, a eira onde se malhava o trigo, o milho, o centeio, o feijão, o ervanço, a amêndoa e outros frutos secos, os lagares do vinho e do azeite onde se produziam os respectivos produtos, bem como as tulhas do centeio, as arcas do azeite e a típica e tradicional adega com pipos e dornas de várias dimensões onde se produzia e guardava o precioso néctar a que agora se dá continuidade com a utilização das novas e mais sofisticadas e eficazes tecnologias.

Próximos à casa existem diversos prédios rurais cultivados com vinha e olival, propriedade dos membros da família, dos quais se destacam  as Corriças, uma quinta cujo nome é justificado pela antiga existência de diversas corriças para o gado e que hoje é a vinha mais produtiva da adega da Sociedade.

Caixa de texto: Destaques